Comunicado Oficial – Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente


Foto.jpg

A equipe de profissionais que presta consultoria ambiental para a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Nova Petrópolis fez a vistoria e análise das árvores da Praça das Flores, alvos de polêmica nas redes sociais devido às características apresentadas.

De acordo com a bióloga Heloísa Maria Luciano, não há nenhuma possibilidade de ser óleo queimado. “Constatou se tratar de um processo natural de infestação por “brocas” (coleobrocas ou brocas-do-tronco). O líquido preto que escorre é resultante da ação destes insetos entre a casca e o cerne da árvore. Árvores exóticas e nativas apresentaram tal condição em diferentes locais do Município. Inúmeros fatores contribuem para o aparecimento de “brocas”, tais como a condição de saúde da árvore, fatores ambientais e climáticos”, explicou.

As árvores analisadas não apresentam risco maior de queda em virtude da infestação por “brocas”. O combate aos insetos deverá ser prescrito por engenheiro agrônomo. O parecer técnico completo será divulgado na próxima semana.